Pendrives e discos virtuais: Fatos e expectativas

Carregar uma grande quantidade de arquivos de um lado para o outro não é mais problema. Pelo menos se a questão for uma opção portátil e/ou alta capacidade de memória. A presença de sites oferecendo espaço em seus servidores para o armazenamento de dados dos internautas é cada vez mais notória, e os pequenos pendrives – dispositivos móveis contendo memória flash – nunca foram tão atraentes. Aderir a um desses, além de proporcionar mais praticidade, está se tornando menos dispendioso.

Encontrar em lojas de produtos eletrônicos aparelhos com 1Gb de memória abaixo dos R$ 50 não é mais surpresa. O progresso na capacidade de armazenamento desse tipo de dispositivo, que já pode ser bem superior a 32 Gb, é ainda mais surpreendente. Um dos fatores que fazem dessas ferramentas uma das mais procuradas e vendidas do mercado atualmente é a portabilidade. Mesmo não tendo essa mesma característica, os discos virtuais não se tornam menos vantajosos e constituem uma nova forma de mobilidade de dados.

Ainda que timidamente, os serviços para estocamento gratuito de arquivos na web estão contínua e gradativamente conquistando os internautas. O mercado de armazenamento e backup online já começa o ano com expectativas de crescimento. O esperado, segundo a consultoria IDC, é que até 2011 esse setor alcance os 715 milhões de dólares. Espaço também não é problema para essa categoria de serviço, onde já se pode encontrar sites oferecendo 50Gb de espaço gratuito. Mas há também planos especiais para quem necessita e pode pagar algumas moedas por isso.

As vantagens proporcionadas por um pendrive e a flexibilidade dos discos virtuais tornam o convívio entre essas duas tecnologias bastante enriquecedor. Nota-se, entretanto, que este último terá alguns desafios a enfrentar. O volume de dados gerados pelos usuários pode ser o motor para o seu impulsionamento, como prevê a IDC. Porém, o receio de ter informações importantes passeando pela web sem a devida proteção torna necessária uma discussão clara e consistente sobre segurança online. Afinal, quando se trata de privacidade, não custa nada ser bem mais cauteloso.

Anúncios

About this entry